Marina Paixão

VIVENDO FAMÍLIA

Na semana retrasada durante a célula dos meus amigos, começamos a seguinte dinâmica: Cada um falava o seu nome e uma palavra que representasse FAMÍLIA para eles, que poderia tanto ser positiva quanto negativa. Para alguns, família pode representar um porto seguro, um ambiente de muito aconchego e amor, mas para outros pode ser uma realidade totalmente diferente. O dia da célula foi um ótimo dia, não porque aconteceu algo de extraordinário e diferente na rotina, pelo contrário, fiquei ciente de alguns problemas de família, mas decidi ter um bom dia independente do que estivesse ao meu redor. Minha alegria e confiança estavam em Jesus. Eu estava bem feliz porque umas 5 pessoas naquele dia também me procuraram chateadas com alguma coisa de suas vidas e eu tentei ajudar, aconselhar e orar junto. Lembro de ter comentado isso com um amigo, que consegui ajudar aquelas pessoas e que era pra eu estar como elas, mas de alguma forma aquele dia estava sendo bom. De alguma forma, eu estava me sentindo segura. Saí do trabalho e fui pra casa esperar a hora de ir pra célula. 10 minutos em casa foi o suficiente para que toda a minha alegria fosse embora. Fui inserida naquele ambiente que durante o dia eu tinha apenas escutado as notícias. Então eu chego na célula e desde o primeiro minuto somos ministrados a respeito de…FAMÍLIA. O Gui começou falando que aquilo não estava no roteiro mas que queria ter um momento para orarmos pelas famílias. Muitas pessoas se abriram e compartilharam o que estavam passando em casa, coisas que ninguém fazia a menor ideia. É incrível quando criamos um ambiente de intimidade e sensibilidade ao Espírito, pois Ele nos conduz a ministrarmos uns aos outros e o ambiente gera automaticamente cura e transformação.

Depois que Deus criou todas as coisas, o que Ele primeiro constituiu na terra foi a FAMÍLIA. Sabe, na minha opinião satanás não está preocupado em destruir as igrejas. Ele está preocupado em destruir os lares porque uma vez que as famílias estão destruídas, não existe mais igreja. Não sei se a sua família é um lugar seguro ou um lugar de guerras, não sei qual é a sua história ou a sua realidade em casa, mas posso te falar como alguém que enfrentou batalhas dentro de casa e que por muitos anos vem carregando sua família em oração sozinha. Não é fácil. Os dias difíceis chegam e muitas vezes com força, e o que vai definir boa parte de quem estamos nos tornando e consequentemente as nossas escolhas -FUTURO- é a forma como lidamos com esses dias maus. Eu acredito que um dos principais itens da construção de quem nos tornamos é a nossa criação, o tipo de relacionamento que desenvolvemos na nossa família (pais e irmãos) e como esse ambiente se desenvolve. Logo, se nascemos em um ambiente turbulento e complicado, se crescemos assistindo os nossos pais brigando e se desentendendo, faltando com afeto e diálogo, tudo isso irá mesmo que indiretamente influenciar em nós. Isso aconteceu comigo. Quando eu era mais nova, não tinha absolutamente nenhuma estrutura para lidar com algumas coisas e acabei me tornando uma menina mais fechada e com certa dificuldade nos relacionamentos, muito insegura. Hoje percebo que aquilo era totalmente ligado ao ambiente que cresci, e que se eu não tivesse percebido e pedido que o Espírito Santo transformasse a minha mente, talvez hoje eu não seria a Marina que sou, fazendo o que faço e sonhando o que sonho.

Queria deixar uma palavra de encorajamento para você hoje! Se a sua família tem uma estrutura bacana e te dá todo o suporte que você precisa, com muito carinho e aconchego, preserve!!!! Isso é incrível e infelizmente nem todos tem esse privilégio. Também sei que mesmo tendo essa estrutura boa, você enfrenta problemas pois toda família tem sua rotina e suas dificuldades. Então preserve e se mantenha firme. Se a sua casa não te abraça, persevere. Pague o preço por eles em oração, tente você levar a alegria e o amor para eles. Os dias maus ainda irão chegar, mas isso não irá definir você ou o se futuro e isso precisa estar CLARO na sua mente! A culpa não é sua e os problemas da sua casa não serão os problemas da família que você irá construir. Os dias maus ainda irão chegar, mas o cuidado, zelo, amor e bondade de Deus permanecerão pairando sobre você. Ele é uma constante em sua vida e os problemas não. Jesus livrou não só o pecado e a condenação sobre nossas vidas mas nos deu esperança onde já não havia mais esperança. Seja forte e corajoso! Não desista! Deus não desistiu de você, então você não tem o direito de desistir! Deus acredita em você, então você não tem o direito de não acreditar em você mesmo! Ele é bom! Ele cuida! Ele se importa! Ele está presente! Ele te planejou, te escolheu para ter nascido exatamente aonde nasceu, sendo exatamente a pessoa que você é. Tudo tem um propósito. PERSEVERE e ainda que você tenha que carregar sua família em oração sozinho, VALE A PENA. Seguimos mantendo os olhos fixos no nosso alvo, e o que estiver acontecendo ao nosso redor não é maior do que o que está em nós. Eu quero te abençoar com força e perseverança.

See you!!!!