Marina Paixão

VOCÊ É LINDA!

Esse último final de semana eu fui ao shopping com minha família e claro, fomos dar aquela olhadinha na Forever 21. Eu estava precisando muito de uma necessaire de maquiagem nova e quando vi essa da foto foi amor a primeira vista. Quando cheguei em casa e passei minhas maquiagens para ela, comecei a pensar a respeito do que estava escrito. YOURE PRETTY (VOCÊ É BONITA).

Quantas meninas devem projetar sua beleza em produtos –de beleza-. Quantas meninas não arredam o pé de casa sem passar pelo menos uma base e um rímel porque não suportam seu visual natural. Quantas meninas deixam de sair porque não tiveram tempo de arrumar o cabelo e fazer aquela escova bacana. A sociedade nos disse que ser bonita é ter um cabelo liso e volumoso como as mulheres do comercial da Pantene e ser bonita é ter uma pele impecável como as moças da tv. Ser bonita é ser magra. Ser bonita é não ter uma celulite. Ser bonita é não ter uma espinha. Ser bonita é seguir os padrões de moda impostos.

Eu sou a caçula da família e cresci numa casa com 3 mulheres e meu pai, e duas delas eram/são extremamente vaidosas. Aconteceu há algumas semanas, do secador de cabelo lá de casa estragar e minha mãe disse que preferia atrasar e sair pra comprar um novo do que sair sem secar cabelo pra ir trabalhar, e ela detesta atrasar, na verdade acho que nunca a vi se atrasando para o trabalho. Sempre tive o meu estilo próprio, mas na adolescência, aquela fase extremamente confusa onde não expomos quem somos de verdade por medo de aceitação, eu tentei acompanhar a “indústria de beleza”. Hoje quando eu pego uma foto minha aos 15 anos indo por exemplo em uma festa de 15 anos na época, eu mal me reconheço. Eu não tinha voz dentro de mim e a minha voz era o que estava na “moda” e se eu não saísse de casa daquela maneira, preferia nem sair. Hoje, com o meu estilo próprio, consigo não ser escrava dessa indústria tão cruel. Hoje eu aprendi a me aceitar, a gostar mais do meu cabelo natural e do meu rosto. Eu amo comprar maquiagem, amo comprar roupa e as vezes gosto de fazer algo diferente no cabelo (ainda que no final qualquer penteado sempre vá terminar no meu famoso coque) e esse texto não é para te fazer abandonar a vaidade, até porque eu mesma sou vaidosa, talvez não tanto, mas eu gosto de me arrumar e de me sentir bonita. Esse texto não é para fazer você começar a andar desleixada. Esse texto é para te encorajar a ter uma vaidade SAUDÁVEL e que não vai prender a sua beleza ORIGINAL, sua beleza NATURAL. Compre roupas, passe aquele batom que você gosta, faça uma escova no cabelo, mas não deixe isso te dizer quem você é. Esse texto é para te dizer que você é LINDA com ou sem maquiagem, com ou sem escova, magra ou “gorda”, de roupa preta ou branca, cabelo curto ou grande.Você é LINDA! Cada detalhe em você foi planejado e arquitetado pelo Criador. Ele escolheu fazer você assim, e você é linda!!!!

A Marina natural é a minha versão mais linda. E a sua?

 

See youuuuuuuuuuuu!